Yolles, shells e navios na doca de Alcântara

O anatomiadoremo esteve em Lisboa no passado fim-de-semana. Como a FPR resolveu manter o Campeonato de Yolle em 2 dias – apesar de 4h de regatas resolverem o assunto – os nossos dissecadores ficaram alojados no Inatel de Oeiras, a fazer companhia aos velhinhos que por lá param. Sempre se poupam uns cobres que a vida está cara (para alguns…).
Foi bom de ver que os funcionários da FPR se mantém disponíveis para trabalhar mesmo sem terem recebido o salário de Abril. Já agora vai aqui uma notícia que lhes pode interessar, que ler jornais é saber mais.
Nos bastidores continua a comentar-se o patrocínio que o NQL diz ter conseguido para a FPR (já o tinha prometido na campanha de 2005). Os nossos dissecadores não conseguiram saber o valor, mas pode ser que não ande longe dos quase 900.000 euros que a FPR devia em 31 de Dezembro de 2011 – fazendo fé no Relatório e Contas.
Como em 6 anos da era Rascão Marques os resultados líquidos foram sempre negativos e em 2012 a FPR continua a acumular dívidas ao fisco – a reposição de salário do nosso Presidente – ficamos sem saber se os colaboradores passam a ver shells na doca de Alcântara ou continuam a ver navios…

2 Responses to “Yolles, shells e navios na doca de Alcântara”


  1. 1 Homem do Norte 17/05/2012 às 15:54

    Dois dias com a maior parte das provas a serem complementares para parecer que há muito remo!
    Quem será que se quer enganar?
    Só memso a nós mesmos!


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s





%d bloggers like this: