Carta de amor 2

Mais uma linda carta de amor… Já agora, e para situarmos os nossos e-leitores, publicamos novamente parte do comunicado dos árbitros à FPR:

1- A APAR exige á FPR liquidação imediata de todas as despesas relativas a
2008, apresentadas pelos árbitros quando ao serviço da FPR de acordo com o
normativo em vigor
2- A partir de agora os árbitros condicionam a sua participação no Júri das
Regatas ao cumprimento do prometido pelo Sr. Rascão Marques na última
reunião de árbitros em Coimbra, ou seja, a liquidação das despesas das
Regatas num prazo máximo de 15 dias após a sua apresentação pelos árbitros.
3- A APAR mantém a sua posição de exigir o cumprimento integral do Código de
Regatas Nacional em todos os Campeonatos Nacionais.

Podem agora consultar a resposta da FPR aos árbitros. Mr. Hyde faz apenas uma pergunta: porque é que o nosso Presidente só faz referência na resposta ao ponto 3 do comunicado dos árbitros, esquecendo os mais importantes? Ou será que as contas já foram saldadas? E a APAR, já é reconhecida? Ou temos que esperar que o Presidente da República regresse da sua visita à Alemanha?

oficio_nc2ba187_arbitros_cn

7 Responses to “Carta de amor 2”


  1. 1 Luis Gonçalves 05/03/2009 às 1:57

    O tipo está desesperado.

    Já estou sentadinho a ver quais são os árbitros que estão “disponíveis” para lhe fazer o jeitinho!

    Será que o Rui Faria, o único árbitro no activo que conseguiu arranjar para a lista dele estará?

    Até pode ser! Mas não me cheira nada!

  2. 2 Árbitro, o mau da fita 05/03/2009 às 2:05

    Mr. Hide, e que tal publicar a resposta da APAR, também? Ao que nos consta até a receberam e tudo…

  3. 3 goldslide 05/03/2009 às 2:23

    Frases históricas de grandes homens:

    “L’État c’est moi”: proferida por Luís XIV, o Rei -Sol, no auge do absolutismo….

    “Láviron, cést moi”: proferida por R Marques, o Presidente -Chuva, no auge da desgraça…

  4. 4 Luís Gonçalves 05/03/2009 às 14:11

    Mais uma frase historica de grandes homens:

    “Apés moi le déluge”, disse Luís XV de Bourbon, “o Bem-Amado”

    “Aprés moi que du canoe”, disse R Marques, “Mal-Amado”, com a convicção de quem sabe muito bem o que quer…

  5. 5 Rower 05/03/2009 às 14:52

    Mr Hide pergunta se esta é aquela carta onde os árbitros dizem no último paragrafo que se receberem fecham os olhos á qualidade da pista.?

  6. 6 Árbitro, o mau da fita 05/03/2009 às 15:05

    Ai a preguiça, Mr. Hide do Rower, ai a preguiça. Olhe que é um dos sete pecados capitais. Leia-a e verá que não se diz nada disso. Mas, pronto, anda a conviver demais com o presidente em exercício. Continue assim que ainda vai parar a Presidente da Mesa da AG da FPR.

  7. 7 XICO ESPERTO 05/03/2009 às 23:38

    ATT. Mr. Rowerzinho.

    Consta que alguns arbitros recusaram o convite para integrar a lista da continuidade……Sabia?????


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s





%d bloggers like this: