José Carbono Zero

Um dos motes do Congresso foi dado por José Nunes, que apelou à emissão zero de carbono na modalidade de remo, no início da sua apresentação. Que, diga-se de passagem, até foi a melhorzinha (graficamente) de todas, tal era a pobreza da coisa. Apesar do apelo, o cheiro a queimado continuou na sala, resultante do brainstorming gerado a partir da apresentação dos vários projectos em que o Remo Sem Limites está envolvido (lá se foram as boas intenções, porque toda a gente sabe que a queima produz CO2). Parece que o José Carbono Zero quer pôr os remadores no Pocinho e os treinadores em Lisboa, com recurso a uma espécie de máscaras de visão nocturna (mas para usar de dia) que projectam o treino para atleta ver – dizem que o rendimento desportivo aumenta exponencialmente e que é por isso que outras selecções têm tão bons resultados. O Dr. Jekyll sente-se “out” (um termo da canalha para “desactualizado”) e já pediu a Mr. Hyde para lhe arranjar o programa. O problema é que o CD custa os 15 euros do costume por causa dos direitos de autor. Lá vamos nós ter que fazer mais umas dissecações e autópsias para pagar o fluxo de informação. Ou serão os quilómetros Carbono Zero da 7ª avaliação presencial semi-intermédia do bloco 5 da parte Z do 9º capítulo do curso N1,5 (leia-se N1 vírgula 5)?

Anúncios

0 Responses to “José Carbono Zero”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s





%d bloggers like this: